• YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon
  • Facebook Social Icon

© 2017 Cibele Codonho.

Fotos de Marco Aurélio Olimpio e Agnaldo Rocha Papa 

Todos os diretos reservados. Desenvolvido por Lucas Almeida

Você encontra Cibele Codonho nas principais plataformas digitais e redes socias

Discografia

É jazz ou é música brasileira? Jazz brasileiro ou MPB gringa? Afinidade, lançado pela Gravadora Eldorado, entra na seção dos discos de difícil rotulação. Está no limiar das definições, no limítrofe dos padrões definidores de estilos. A direção e os arranjos de Pichu Borrelli levam ao caminho de uma liberdade cheia de surpresas. São convenções trabalhadas em pré e pós gravação a ponto de se quase poder sentir o suor de cada canção.

   O repertório faz o papel da brasilidade, mesmo quando o pensamento está no jazz. Ciranda, baião e samba trazem sempre o imprevisível. Uma das participações especiais é do líder do grupo vocal americano Take 6, Mark Kibble. Eles cantam em dueto ‘Love Dance / Lembrança’ (Ivan Lins e Gilson Peranzzetta, Paul Williams e Vitor Martins). Filó Machado aparece em Vatapá (Léa Freire e Joyce Moreno).

   A teia toda é costurada pelas sedas do piano e do baixo, acústicos e elétricos, com a bateria, sopros e a percussão. Um disco, como dizem, orgânico. O baterista norte-americano Lewis Nash conduz a música Blue Note (de Filó Machado e Fátima Guedes), que tem ainda o clarinete de Roberto Sion e o baixo de Sizão Machado. O guitarrista Natan Marques aparece em Coisas da Vida (de Milton Nascimento e Fernando Brant) ao lado da kora n’goni de Carlinhos Antunes; e o acordeom de Toninho Ferragutti está na inédita Amado (Rafael e Rita Altério). A flautista Léa Freire aparece em Rio Amazonas (Dori Caymmi e Paulo Cesar Pinheiro) e o pianista Michel Freidenson toca orgão B4 ao lado do saxofone de Wilson Teixeira na faixa Mamãe Natureza (de Rita Lee).

Julio Maria

jornalista e escritor

as faixas

1. Casa de Marimbondo

(João Bosco e Aldir Blanc)

Piano e synth: Pichu Borrelli

Vocal: Cibele Codonho

Baixo elétrico e guitarra: Luis Cavalcante

Bateria: Fabio Canella

Percussão: Douglas Alonso

3. Rio Amazonas

(Dori Caymmi e Paulo Cesar Pinheiro)

Vocal: Cibele Codonho
Flautas: Léa Freire
Piano acústico: Pichu Borrelli
Baixo acústico: Sidiel Viera
Bateria: Jorge Saavedra
Percussão:Douglas Alonso

5. Amado

(Rafael Altério e Rita Altério)

Acordeon: Toninho Ferragutti
Flautas: Walter Lacerda
Piano e cuatro venezuelano: Pichu Borrelli
Baixo acústico: Sidiel Viera
Bateria: Jorge Saavedra
Percussão:Douglas Alonso

 

7. Vento Bravo

(Edu Lobo e Paulo Cesar Pinheiro)

Flautas G e C: Walter Lacerda
Efeitos e percussão vocais: Cibele Codonho
Teclado, piano elétrico e acústico: Pichu Borrelli
Baixo acústico: Sidiel Viera
Bateria: Sergio Machado
Percussão:Douglas Alonso

9. Dois Corações

(Johnny Alf)

Baixo, piano elétrico e acústico: Pichu Borrelli
Guitarra: Luis Cavalcante
Bateria: Fabio Canella
Percussão:Douglas Alonso

 

11. A Paz

(João Donato e Gilberto Gil)

Piano, teclado e ukulele: Pichu Borrelli
Vocal: Cibele Codonho
Baixo: Sidiel Vieira
Bateria: Fabio Canella
Percussão:Douglas Alonso

12. Vatapá

(Léa Freire e Joyce Moreno)

Violão e voz: Filó Machado
Vocal: Cibele Codonho
Piano acústico: Pichu Borrelli
Baixo elétrico: Luis Cavalcante
Bongô, congas e bateria: Jorge Saavedra

 

10. Mamãe Natureza

(Rita Lee)

Teclado e piano: Pichu Borrelli
Organ B4: Michel Freidenson
Sax alto: Wilson Teixeira
Baixo acústico: Sidiel Viera
Bateria: Sergio Machado
Percussão:Douglas Alonso

8. Mi Canción

(Hugo Fattoruso)

Violões: Pichu Borrelli
Cuatro venezuelano e Kora n'goni: Carlinhos Antunes
Vocal: Cibele Codonho
Baixo acústico: Sidiel Viera
Percussão:Douglas Alonso

6. Love Dance/Lembrança

(Ivan Lins, Gilson Peranzzetta, Vitor Martins e Paul Williams)

Voz: Mark Kibble
Flauta baixo: Léa Freire
Piano acústico: Pichu Borrelli
Baixo acústico: Sidiel Viera
Bateria: Sergio Machado

4. Blue Note

(Filó Machado e Fátima Guedes)

Clarinete: Roberto Sion
Clarone: Mauro Casellatto
Clavinet, synth, piano elétrico e acústico: Pichu Borrelli
Baixo acústico: Sizão Machado
Bateria: Lewis Nash*

2. Coisas da Vida

(Milton Nascimento e Fernando Brant)

Percussão vocal: Cibele Codonho
Guitarra: Natan Marques
Kora n'goni: Carlinhos Antunes
Cuatro venezuelano, piano elétrico e acústico: Pichu Borrelli
Baixo elétrico: Sidiel Viera
Bateria e malets: Sergio Machado
Percussão:Douglas Alonso

 

*Lewis Nash plays Zildjian cymbals, Sakae Drums and Vic Firth drumsticks exclusively.

Ficha técnica

Direção musical e arranjos:  Pichu Borelli

Produção: Pichu Borelli e Cibele Codonho

Gravação:  BRC Estúdios por Bruno Cardozo, 440 Hz por Pichu Borrelli e Lua Nova por Marcio Gianullo

Mixagem:  440 Hz por Pichu Borelli e Cibele Codonho

Masterização:  Reference Mastering, por Homero Lotito, em setembro de 2016

Produtor fonográfico: OESP Midia S/A - Gravadora Eldorado

Gerência artística Eldorado: Murilo Pontes

Foto de capa: Marco Aurelio Olimpio

Foto de capa do encarte: Agnaldo Rocha Papa

Assistente de fotografia: Adriana Oliveira Horvath

Fotos dos músicos: Paulo Rapoport, Wanzza Vieira, Bruñel Galhego, Sandro Takahashi e Agnaldo Rocha Papa

Design gráfico: Carlos Dränger

Direção de arte: José Sebastião Maria de Souza

Figurinos: Elaine Navarini

Personal stylist: Monica Regatto

Maquiagem e cabelo: Mychelle Pavão, Priscila Delfino e Leandro Pires

o encarte

1/6

outros discos

2005

Tom Brasileiro - Filó Machado e Cibele Codonho cantam  Tom Jobim

Gravadora Lua Music

Produzido por Thomas Roth

1989

A Três - Vocalise por Leni Requena, Solange Codonho e Cibele Codonho

Gravadora Eldorado

Produzido por Jun Itabashi (Bossanovologia)